Evidências ufológicas sob atenção mundial


Ex Governador do Arizona em emtrevista a CNN

• Em 1986, um piloto da Japan Airlines viu o que descreveu como um objeto voador não identificado sobre o Alaska, próximo ao seu 747. O UFO teria realizado um movimento evasivo. Sua carreira foi atirada ao tumulto, mas ele nunca se retratou sobre o que afirmou ter visto. [SAIBA MAIS CLICK AQUI!.]

• Em 1987, um executivo da Administração Federal de Aviação [Federal Aviation Administration, FAA] disse que a Agência Central de Inteligência (CIA) lhe alertou para não falar sobre UFOs, porque o público entraria em pânico.

• Em 1997, o ex-governador do Arizona Fife Symington ridicularizou milhares de pessoas que disseram ter visto luzes misteriosas em Phoenix, chamando um funcionário vestido com um extravagante traje de ET para conferência de imprensa. Dez anos depois, ele pediu desculpas por mentir para a mídia e ao público.

O que esses eventos têm em comum é que são revelados num novo especial de duas horas no History Channel, “Secret Access: UFOs On The Record” [Acesso Secreto: UFOs em Registro], apresentando com profundidade relatos de pessoas que se dispuseram a arriscar empregos e reputações ao falarem sobre suas experiências marcantes com UFOs.

“O tema do programa é que os UFOs existem, mas há somente uma pequena percentagem de avistamentos significativos não explicados”, disse Leslie Kean [consultora da Revista UFO, jornalista investigativa e diretora de pesquisa da The Coalition for Freedom of Information (CFi)], autora do bestseller do The New York Times UFOs: Generals, Pilots and Government Officials Go On The Record [UFOs: Generais, Pilotos e Funcionários do Governo vão aos Registros, Harmony Books, 2010], que constitui a base do documentário especial.

Uma coleção de imagens que Leslie disponibilizou ao The Huffington Post em 23 de agosto de 2011, para promover a publicação de seu livro, pode ser acessada clicando-se aqui.

“Há um fenômeno aqui e muitos funcionários de alto nível, incluindo pilotos e pessoas do governo, estiveram envolvidas com ele e estão por trás da existência de UFOs. Nós chegamos no ponto em que não sabemos o que são e existe um número significativo de casos que precisam ser mais estudados”, disse ela.

Um caso interessante apresentado em “Acesso Secreto”, que se tornou conhecido como o  Caso Rendlesham, envolveu mais de 50 testemunhas militares estacionadas na articulação da Força Aérea dos EUA (USAF), bases da Organização do Tratado do Atlântico Norte (OTAN) e da Força Aérea Real (RAF) do Reino Unido, em Bentwaters e Woodbridge (Suffolk, Inglaterra) no ano de 1980.

Fatos impressionantes

Conforme o incidente se desenrolava, numerosos UFOs de várias formas e tamanhos apareceram perto das bases, de acordo com uma gravação de voz do vice-comandante, o tenente-coronel Charles Halt,durante o evento. “Isso foi algo sob controle inteligente, além de qualquer tecnologia que conhecemos”, disse Halt ao repórter Lee Speigel vários meses atrás. “É de minha firme convicção que era extraterrestre ou de uma dimensão diferente”, completou.

Depois, há o notável caso envolvendo o ex-governador do Arizona Fife Symington, que começou na noite de 13 de março de 1997, quando multidões relataram um artefato gigantesco movendo-se silenciosamente nos céus ao redor de Phoenix (Arizona) e que decolou silenciosamente em altíssima velocidade. Testemunhos de policiais, pilotos, militares e – como foi finalmente revelado 10 anos depois – o próprio Symington.

O governador de dois mandatos estava em casa assistindo televisão quando chegou ao a notícia sobre relatos de UFOs nas proximidades. Os seguranças de Symington tinham sido transferidos para o período diurno e ele então decidiu entrar sozinho em seu carro e checar. “Eu estava esperando para observar algo à distância, mas fiquei aterrado quando esta coisa veio pelo alto. Ela estava se movendo de forma constante e silenciosamente”, disse ao The Huffington Post.

A descrição de Symington sobre a enorme nave em forma de bumerangue combinou com outras que também relataram a mesma coisa naquela noite. Assista no original abaixo, em inglês:

Após três meses da cobertura da mídia local, os avistamentos no Arizona finalmente atingiram as ondas de rádio nacionais e foram apelidados de As Luzes de Phoenix. Com a crescente demanda do público por uma explicação, Symington – na época ainda em silêncio sobre seu próprio avistamento – convocou uma conferência de imprensa nacional que iria assombrá-lo durante anos.

Alegando ter o culpado responsável pelas Luzes de Phoenix, o governador apresentou o seu chefe de gabinete vestido como um alienígena e de algemas. Como seu funcionário foi desmascarado, Symington disse à imprensa: “Isto é só para mostrar que vocês são demasiadamente sérios”.

Dez anos depois de sua falsa façanha alienígena, finalmente, Symington confessou até sobre seu próprio e dramático avistamento na ocasião. “Bem, eu fui confrontado por bons cidadãos que ficaram realmente chateados comigo, e não percebi a profundidade de sua raiva. Isso realmente incomodou a minha consciência, então eu senti que era necessário cumprir com a verdade e foi isso que eu fiz”.

Revelações extremas

Symington admitiu que há um tabu sobre autoridades eleitas falando sobre UFOs. “Eu acho que, se você mantiver um alto cargo público, no minuto em que começar a falar sobre UFOs, extraterrestres ou qualquer coisa dessa natureza, a mídia imediatamente vai ridicularizá-lo. Muitas vezes referem-se à cultura da mídia em nosso país como a cultura do ridículo. Então, todo mundo se arma contra o ridículo, ao invés de enfrentar seriamente a questão quando se trata de UFOs. Se você é um político eleito, realmente precisa ser cuidadoso sobre o que você diz, porque a mídia pode simplesmente destruir totalmente a sua credibilidade”.

“Acesso Secreto” não é o primeiro programa sobre UFOS apresentado pelo History Channel, de acordo com Julian Hobbs, vice-presidente de desenvolvimento e produção. “A história não envolve necessariamente acreditar ou não acreditar em UFOs. Neste caso, o que realmente chamou nossa atenção sobre o livro de Leslie foi essa idéia de que 95 % de todos os avistamentos podem ser muito facilmente rejeitados – é nos 5 % que temos, literalmente, governadores, oficiais militares, pilotos e afins, as pessoas normalmente consideradas equilibradas, sensatas e credíveis”, disse Hobbs.

“Não haveria o documentário sem o livro. Quando eu li a obra de Leslie, na qual a película é baseada, mudei minha opinião sobre o fato. Eu acho que o Fenômeno UFO merece uma investigação mais aprofundada”, acrescentou Hobbs.

Leslie Kean, ela mesma, está otimista com um possível contato com extraterrestres. “Espero que eles sejam benignos visitantes de outros planetas – seria algo que poderia de alguma forma beneficiar a nossa própria luta neste planeta”, disse. “Mesmo que soubéssemos que não estamos sozinhos no universo, de alguma forma o conhecimento poderia afetar a forma como nos percebemos e talvez o futuro da nossa civilização”, discorreu Leslie.

Symington é muito mais franco sobre o assunto agora do que quando era governador do Arizona. “Eu sei o que vi. Para mim, não há dúvida de que nós estamos sendo visitados por extraterrestres e civilizações que estão muito mais avançadas do que nós”, sugeriu. “Eu não abordo do ponto de vista do medo. Na verdade, gosto de pensar que não estamos sozinhos no universo e não sou tímido sobre o assunto. Eu acho que estamos lidando com algumas incógnitas fascinantes e, um dia, a verdade virá à tona”.

Fonte: site www.ufo.com.br

repassando

Hamilton stefani

Anúncios

Sobre contatoufo

Estudioso da Ufologia mundial

Publicado em 26/08/2011, em UFOLOGIA. Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: